raspagem dental

Saiba um pouco mais sobre a raspagem dental

Seguir e manter bons hábitos de higiene dos dentes é fundamental para se manter a saúde bucal. Escovar bem os dentes, utilizar o fio dental e ir ao dentista regularmente são condições necessárias e suficientes para evitar complicações mais severas.

Vale lembrar que existem outros procedimentos que ajudam a manter uma boca mais saudável, mas que devem contar com ajuda de um dentista, como é o caso da raspagem dental. Trata-se de um tratamento odontológico em que a remoção do tártaro, que permanece entre os dentes e a gengiva, é feita, prevenindo e combatendo a gengivite.

Alguns sinais indicativos de que a raspagem dental é necessária são: sangramento recorrente da gengiva ao se usar o fio dental associado com o aparecimento de uma tonalidade amarelada nos dentes acima dos níveis toleráveis e normais, assim como um aumento na sensibilidade dos dentes.

Raspagem dental: quais as etapas que compõem esse tratamento?

A raspagem dental é feita por meio da realização de algumas etapas simples. Em alguns casos, quando a gengiva está muito inflamada e sensível, é preciso e indicado a aplicação de anestesia local antes do procedimento se iniciar, sendo desnecessário na maior parte dos tratamentos.

Outro ponto que pode apresentar variações está relacionado ao número de sessões, sendo que esta quantia depende da situação e quantidade de acúmulo de camada bacteriana presente. Porém, o normal é que até quatro sessões de raspagem dental sejam suficientes para resolver qualquer tipo de caso de tártaro.

De modo geral, a raspagem dental pode ser resumida à três etapas elementares, sendo elas:

  • Raspagem: é a etapa em que a raspagem dental é realizada efetivamente. A remoção é feita por meio de instrumentos odontológicos como o ultrassom, de maneira bem meticulosa, abrangendo a superfície dos dentes e também as regiões próximas à gengiva;
  • Alisamento radicular: para evitar o reaparecimento do tártaro é feita também uma raspagem da raiz do dente, ajudando a prevenir inflamações;
  • Polimento: é a etapa que encerra o procedimento. Conta com a revitalização com aplicação de flúor e outros componentes que ajudam a polir os dentes.

Raspagem dental evite complicações que prejudiquem sua saúde bucal

Existem diversas condições que podem colocar em check a saúde da sua boca e dentes. A falta de higiene, maus hábitos alimentares, o consumo de bebidas alcoólica e tabagismo podem criar um ambiente desfavorável, deixando a gengiva sensível a infecções que ocorrem por conta de uma mistura que envolve bactérias, restos de alimentos, saliva e outros elementos que se instalam entre as gengivas, os dentes e a placa dental que, quando enrijecida forma o tártaro.

Sendo assim, visando reduzir complicações que podem prejudicar de maneira mais grave a gengiva, dentes e outros componentes da boca, é recomendável fazer a raspagem dental regularmente, como medida auxiliar e preventiva.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Consulta Ideal atende raspagem dental: