tratamento de periodontia

Tratamento de periodontia

A doença periodontal normalmente é indolor e você pode não saber que tem um problema até que as suas gengivas e osso de suporte estejam seriamente comprometidos. Felizmente, as doenças periodontais podem frequentemente ser tratadas logo nos seus estágios iniciais por meio de raspagem e alisamento radicular. Mas antes disso, o dentista realiza um exame clínico para examinar a condição da gengiva de modo a diagnosticar os problemas periodontais (quando o sulco se desenvolve em uma bolsa profunda que acumula mais bactérias provenientes da placa).

O andamento do tratamento de periodontia

Em caso de diagnóstico da doença periodontal, o dentista pode realizar o tratamento de periodontia ou pode encaminhá-lo para um profissional especializado na área, que é o dentista qualificado no diagnóstico, prevenção e tratamento das doenças periodontais. O tratamento em si geralmente depende do grau de progressão da doença e da resposta do corpo do paciente à terapia. Raspagem e alisamento é um método de tratamento de periodontia usado quando as bolsas são maiores do que 2 mm.

A raspagem é responsável por remover a placa e o tártaro ou cálculos dentários que estiverem abaixo da linha gengival. Um anestésico local pode ser aplicado para reduzir o desconforto. Utilizando um instrumento conhecido como raspador ou um limpador ultra-sônico, o dentista cuidadosamente remove placa e tártaro de toda a profundidade de cada bolsa periodontal. A parte frontal da raiz do dente é finalmente alisada ou planificada. Esse procedimento permite que o tecido gengival cicatrize e também dificulta o acúmulo de placa sobre as superfícies laterais. Vale pontuar que as principais causas que levam ao tratamento de periodontia são:

  • predisposição genética;
  • transmissão;
  • escovação inadequada;
  • gengivite.

Como funciona o pós tratamento de periodontia

Depois do tratamento de periodontia seu dentista pode recomendar, prescrever e administrar medicações para ajudar a controlar o desconforto e a dor, ou mesmo para facilitar a cicatrização. Além disso, em uma consulta de acompanhamento posterior ao tratamento de periodontia, o dentista verifica a cicatrização das gengivas e a diminuição das bolsas periodontais. Quando persistem bolsas maiores do que 2 mm após o procedimento, medidas adicionais a serem definidas pelo profissional podem ser necessárias.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Consulta Ideal atende tratamento de periodontia: